Tags

, , , ,

Na semana passada os micróbios e bactérias americanos atacaram forte cá em casa! Agora que já está tudo bem posso contar como foi a minha primeira emergency com um sorriso nos lábios e dizer que superou todas as minhas expectativas!

Na passada sexta-feira resolvi levar uma das miúdas ao médico para ver o que se passava com a garganta que doía cada vez mais e a febre não baixava:

8:10 – Ligo para o pediatra e detalho todos os sintomas por telefone. Avisam que posso ir antes das 9:30 é só aparecer no consultório.

Arranjo a miúda à pressa e corremos para o consultório que fica a 5 minutos de casa.

9:10 – Chegamos ao consultório já com os dados todos passados por telefone. Pedem-me para aguardar.

Ainda mal nos tínhamos sentado na sala de espera já estão a chamar!

9:25 – Estamos a ser atendidas por uma enfermeira simpática que já mediu a febre e avisa que o médico entra já!

e entrou mesmo o Doctor que muito simpaticamente ao ver o nome da paciente achou que era espanhola. Rectifiquei e disse que era portuguesa!

Oh, portuguese? I love portugueses…I’m a huge fan of Roberto Carlos!

9:30 – Depois de ter explicado com umas risadas que nós éramos mesmo portugueses de Portugal, foi preciso fazer uma recolha em laboratório para ver se havia uma bactéria para eliminar com antibiótico…tempo estimado: 10 minutos

Quando estávamos, novamente, a tentar sentar na sala de espera para aguardar…

9:40 – A enfermeira simpática vem informar que afinal o resultado é positivo (existe uma bactéria) e o Doctor já enviou a prescrição do medicamento diretamente para o Walgreens para ser aviada. Bye, Bye.

9:45 – Estou no Walgreens a comprar o antibiótico 🙂

10:00 – Chegamos a casa e preparo-me para dar antibiótico à miúda, tento abrir o frasco que tem daquelas tampas em que tem de se carregar e rodar…

10:15 – Continuo a tentar abrir o frasco mas já estou de faca na mão e preparo-me para esfaquear o frasco, que por acaso é de plástico

Grito para desligarem a TV porque os risinhos dos putos do canal Disney estão a complicar-me os nervos…

10:20 – Chacinei a tampa do frasco com a faca e consegui finalmente dar o antibiótico

Resumindo e concluindo: As consultas de urgência são rápidas e eficientes, ao contrário dos frascos de medicamento. Os médicos e enfermeiras são simpáticos e atenciosos… continuam é a não saber onde fica Portugal!

image

 

Advertisements